quarta-feira, 1 de julho de 2015


Devaneio

2

É escuro e muito frio aqui, meus pés estão cansados de tanto caminhar. Já não consigo suportar o fardo que carrego. Na verdade, eu nunca consegui. Essa é uma das muitas ilusões da vida, se você não pode suportar seus próprios problemas, você não é digno de continuar à jornada.

É escuro e muito frio aqui, meus olhos estão pesados e inertes ao tempo. Procuro um refugio que não posso ter, procuro a redenção, anseio pela redenção. Depois de tantos desencontros e de sentimentos mal ditos, preciso encontrar uma forma de me libertar das amarras que me predeem. Essa força que me impede de ser aquilo que eu realmente sou.

É escuro e muito frio aqui, eu estou cansado. Cansado de vagar em minha própria mente. Lugar de estradas tortuosas e de abismos sem fim, fundada em meio aos destroços de um coração confuso e uma vida fadada ao fracasso. Cansado de vagar em minha própria mente, repito e repito todos os dias.



É escuro e muito frio aqui. Liberte-me, construa-me e me destrua mais uma vez. 

2 comentários:

Claudia Victória disse...

Oi!
Caramba menina!
Que bom te ver de novo!
Realmente um dos rostos que eu não esqueci.
Pelo blog não lembrava mesmo mas quando cheguei e vi que era vc achei legal!
Sentimento de nostalgia!

Linda escritora!
Adoro!



Faz tempo que sumi do meu blog e estou tentando retornar.
Estou retribuindo sua visita.
Beijos!

http://momentosdemodaebeleza.blogspot.com.br

Lanceire Ongrat disse...

Such a beautiful post,dear! I love it!!! This one is so beautiful and cute!

Postar um comentário

Leia o post antes de comentar. Obg e volte sempre ;)

Receba os post por Email

Visitas