sexta-feira, 4 de maio de 2012


Me compreende? Então me explica !

3


Às vezes eu mesma me levo à loucura, você não vai entender, não é pra entender. Eu não sei o que se passa ou sei e quero esquecer e fingir que não sei, de nada sei e de tudo sei. Pensar de mais, silêncio de mais, me deixa assim, de mais, tudo demais. Às vezes é algo, alguém, às vezes é por ninguém e por isso o silêncio, a loucura, o desabafo. 

Sonhos, lembranças, alegrias, tristezas e lá vem o devaneio, não é assim? Quando sua loucura não é o suficiente, o passado é bem convincente, não, digamos que as lembranças são imanentes. Sabe, de algumas coisas eu tenho certeza, sendo assim, das poucas coisas uma delas é que eu desejaria ter uma memória seletiva, isso mesmo seletiva e não fotográfica. 

Lembrar-se das coisas que eu quero que sejam lembradas, das coisas que importam ou que mesma não fazendo parte do meu presente, que continuam param mim de alguma forma, me importando, entende? Aah esqueci, você não entende, entende? 

Já vi pessoas ter medo de tudo, quando digo “tudo” quero dizer coisas bizarras, sabe do que eu tenho medo? Na verdade eu tenho medo que nem essas pessoas – medrosas- que tem medo de muitas coisas, mas um dos meus medos é aquele que você tem quando está sozinha, é do silêncio que estou falando. Certas palavras podem até me intimidar, mas é do silêncio que tenho medo.


2 meses de blog \w/

3 comentários:

Bruna Cunha disse...

Adorei o texto, principalmente o último paragrafo!!

Beijos

www.unhasglamour.com.br

Isabela Godoy - Delírios de Garota disse...

Amei o texto.
Beijo,
Sorteio | Delírios de Garota

Rafaela Aranzate disse...

Está rolando SORTEIO lá no blog http://destaquem-se.blogspot.com.br/2012/05/1-sorteio-produtos-plantony.html

Postar um comentário

Leia o post antes de comentar. Obg e volte sempre ;)

Receba os post por Email

Visitas